Esporte

12/08/2018 18:28 gazetaesportiva.com.br

Flamengo bate o Cruzeiro no Maracanã

Flamengo derrotou o Cruzeiro por 1 a 0, em partida disputada na tarde deste domingo, no Maracanã, e se manteve na segunda colocação do Campeonato Brasileiro com 37 pontos ganhos, um a menos do que o líder São Paulo que bateu o Sport, na Ilha. Depois de ter sido derrotado pelo time mineiro no meio da semana, pela Libertadores, a equipe da Gávea conseguiu alegrar sua torcida que estava insatisfeita com a produção do time nos últimos jogos. O Cruzeiro, que voltou a escalar uma equipe reserva, segue com 25 pontos, na oitava posição. O único gol foi marcado por Henrique Dourado no primeiro tempo.

O resultado fez justiça ao melhor desempenho da equipe dirigida por Mauricio Barbieri. Enfrentando uma equipe alternativa do Cruzeiro, o Flamengo fez valer a sua maior categoria e não encontrou grande dificuldade para construir o resultado. O time mineiro foi inteiramente dominado no primeiro tempo e só melhorou na fase final quando alguns titulares entraram em campo.

Na próxima rodada, o Flamengo vai enfrentar o Atlético-PR na Arena da Baixada; o Cruzeiro vai receber o Bahia no Mineirão

O jogo

Apoiado por sua torcida, o Flamengo começou a partida tentando empurrar o Cruzeiro para trás. Aos quatro minutos, Trauco lança Vitinho pela esquerda. O atacante tenta o lançamento para Henrique Dourado, mas o zagueiro Léo impede que a bola chegue ao Ceifador. Dois minutos depois, Dourado tenta arrancar, mas é derrubado por Léo. Um minuto depois, Vitinho chuta cruzado e Rafael faz uma defesa segura.

O Flamengo tinha o controle da partida e o Cruzeiro só conseguiu chegar na área carioca aos 11 minutos em lançamento para Raniel, mas Diego Alves não encontrou qualquer dificuldade para chegar na bola antes do atacante.

A equipe rubro-negra tinha o controle absoluto da partida e tocava a bola buscando abrir espaços na defesa mineira. Já a equipe alternativa do Cruzeiro se limitava a ficar na defesa para tentar resistir ao assédio da equipe da casa. Aos 17 minutos, Diego lançou para a penetração de Henrique Dourado, mas Rafael se antecipou ao atacante e ficou com a bola.

Por volta dos 20 minutos, o Cruzeiro adiantou a marcação para tentar amenizar a pressão do adversário na sua área. Aos 21, Éverton Ribeiro recebeu na entrada da área, se livrou de Mancuello e bateu para boa defesa de Rafael. Um minuto depois, o Flamengo abriu o marcador. Éverton Ribeiro fez um passe preciso para Henrique Dourado que, livre de marcação, tocou de bico e a bola ainda tocou na trave antes de entrar no gol defendido por Rafael. O Ceifador quebrou um jejum de dois meses sem marcar.

Depois de abrir vantagem, o time da Gávea resolveu marcar a saída de bola do Cruzeiro e dificultar a vida do adversário que tinha de apelar para chutões porque não havia condições de trocar passes.
A equipe dirigida por Mano Menezes chegou aos 30 minutos sem conseguir finalizar uma vez sequer contra o gol de Diego Alves. O Flamengo ameaçou aos 38 minutos com um chute de Lucas Paquetá e três minutos depois, criou nova situação de perigo com uma conclusão de Vitinho.

Só nos últimos minutos do primeiro tempo é que a equipe de Minas Gerais conseguiu ameaçar o gol defendido por Diego Alves. Aos 43 minutos, após cobrança de lateral, Ariel Cabral desviou de cabeça e Raniel concluiu com perigo. Dois minutos depois, após cobrança de escanteio, Henrique cabeceou e Trauco salvou em cima da linha.

O Cruzeiro voltou tentando ser mais agressivo e, logo aos dois minutos, Réver derrubou Raniel na entrada da área, mas a cobrança de Mancuello não levou perigo para o gol de Diego Alves. O Flamengo respondeu com uma arrancada de Éverton Ribeiro que lançou para Henrique Dourado, mas o Ceifador não foi na bola e desperdiçou a jogada.

Como o time mineiro não conseguia equilibrar o jogo, inteiramente dominado pelo Flamengo, o técnico Mano Menezes chamou os meias-atacantes Thiago Neves e Arrascaeta para entrar nos lugares de Mancuello e David.

Na primeira participação, aos 12 minutos, Thiago Neves chutou fraco e Diego Alves defendeu sem dificuldades. O time mineiro melhorou com as mudanças, mas encontrava dificuldades para superar a boa marcação da equipe carioca. Aos 23 minutos, Arrascaeta recebeu de Thiago Neves e bateu. A bola bateu na zaga e Diego, de bicicleta, afastou o perigo da sua área.

Mano Menezes decidiu reforçar ainda mais a sua equipe e promoveu a entrada do meia Robinho no lugar de Rafinha. E o Flamengo desperdiçou a chance de ampliar aos 26 minutos quando Diego tabelou com Rodinei, invadiu a área, mas acabou perdendo a bola quando tinha tudo para chutar. Logo depois desse lance, Barbieri tirou Diego e colocou Willian Arão em seu lugar.

A presença dos titulares fez o Cruzeiro melhorar de produção e passar a buscar o gol do empate.
Aos 31 minutos, Raniel arrancou pela direita e tentou achar Robinho na pequena área, mas Diego Alves se antecipou e ficou com a bola. Logo depois, o goleiro rubro-negro evitou o gol do empate ao fazer grande defesa em cabeçada de Arrascaeta.

O Flamengo respondeu em duas conclusões com Lucas Paquetá e Éverton Ribeiro que levaram grande perigo ao gol de Rafael. O técnico Maurício Barbieri decidiu defender o resultado, colocando o lateral Pará no lugar do atacante Henrique Dourado.

Nos minutos finais, o Flamengo ainda pressionou em busca do segundo gol, mas não conseguiu concluir com eficiência, enquanto o Cruzeiro ainda buscou o empate, mas não conseguiu se mostrar eficiente para merecer o resultado.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO-RJ 1 X 0 CRUZEIRO-MG

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 12 de agosto de 2018 (Domingo)
Horário: 16h(de Brasília)
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (Fifa-PA)
Assistentes: Helcio Araujo Neves (PA) e Heronildo Freitas da Silva (PA)
Público: 50.402 pagantes
Cartão Amarelo: Henrique Dourado, Lucas Paquetá, Diego(Fla); Ariel Cabral, Raniel, Arrascaeta(Cru)

Gols:
FLAMENGO: Henrique Dourado, aos 22 minutos do primeiro tempo

FLAMENGO: Diego Alves, Rodinei, Léo Duarte, Réver e Trauco; Piris da Motta, Lucas Paquetá, Diego(Willian Arão), Everton Ribeiro e Vitinho(Marlos); Henrique Dourado(Pará)
Técnico: Maurício Barbieri

CRUZEIRO: Rafael, Ezequiel, Manoel, Léo e Marcelo Hermes; Henrique, Ariel Cabral, Rafinha(Robinho) e Mancuello(Thiago Neves); David(Arrascaeta) e Raniel
Técnico: Mano Menezes


EXPEDIENTE

RÁDIO CIDADE - A Nº 1 - A VOZ DO VALE DO PEIXOTO
Telefones: (66) 3595-1144 ou 3595-1578
Celular: (66) 9 9937-1144

Redes Sociais

Rádio Cidade - Todos os Direitos Reservados.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo