O Cuiabá é mais líder do que nunca na Série B. Nesta terça-feira, o time de Marcelo Chamusca recebeu o Náutico na Arena Pantanal e fez mais uma vítima na competição: com gol de Jenison, a equipe venceu o Timbu por 1 a 0 e abriu vantagem na ponta da tabela. Agora, tem três pontos de dianteira para o vice-líder Paraná.

A vitória levou o Cuiabá aos 25 pontos na Série B. O concorrente mais próximo é o Paraná, com 22. A vantagem para o quinto colocado (primeiro fora do G-4) é de seis pontos, já que o Juventude tem 19 pontos. O Náutico, com a derrota, cai para a 12ª posição, com 14 pontos, a cinco do G-4.

No próximo sábado, às 16h, o Náutico joga contra o Confiança nos Aflitos. Também no sábado, mas às 22h, o Cuiabá recebe o Cruzeiro na Arena Pantanal.

O primeiro tempo foi pobre em chances reais de gol. O Náutico, com proposta diferente dos últimos jogos, marcou com linhas mais baixas na maior parte do tempo e teve pouca força ofensiva. Por outro lado, conseguiu restringir o ataque do Cuiabá por boa parte da etapa inicial. Nos minutos finais, porém, o time da casa teve duas grandes chances no mesmo lance: Jenison perdeu a primeira e Fernando Lombardi salvou o Timbu dentro da pequena área em chute de Maxwell, que teve outra finalização perigosa logo depois.

 

No início do segundo tempo, o Cuiabá seguiu melhor e abriu o placar com Jenison, que aproveitou escanteio bem cobrado por Felipe Ferreira. O gol dos donos da casa mudou a dinâmica do jogo. O Timbu teve de sair mais e, assim, abriu espaços na defesa - o que gerou chances para os dois lados. Mas, superior, o Cuiabá conseguiu manter a vitória.

Em casa, o Cuiabá não perdeu ainda nesta Série B. Com a vitória sobre o Timbu, são quatro triunfos e dois empates em seis partidas. Em todos esses jogos, só levou um gol, contra a Chapecoense.

O meia Jean Carlos não jogou, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Artilheiro e maior garçom do Náutico na temporada, ele fez falta. Sem a principal referência ofensiva, o Timbu sofreu para criar chances e levou pouco perigo na bola parada, uma das especialidades de Jean.

O atacante Jenison vinha sofrendo para marcar nos últimos jogos pelo Cuiabá. Em 11 partidas, só havia feito um. Hoje, desencantou e deu a vitória à equipe de Marcelo Chamusca.

Apesar da derrota do Náutico e de uma bobeada que quase gerou gol do Cuiabá, Jefferson se destacou pelo Timbu. Não teve culpa no gol do Cuiabá e fez defesas importantes, que impediram um placar maior e mantiveram o Náutico vivo até o final da partida.

Fonte: Globo Esporte