Mesmo sem Neymar, artilheiro do time nas Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo de 2022, com seis gols, o Brasil manteve os 100% no torneio. Nesta quinta (7), a equipe venceu a Venezuela, de virada, por 3x1, em Caracas. Com o resultado, os brasileiros chegaram aos 27 pontos, com nove vitórias. O próximo jogo da Seleção será domingo (10), às 18h, contra a Colômbia, em Barranquilla.

O centroavante Eric Ramirez e o meia Soteldo possuem o mesmo penteado com os cabelos descoloridos. A maior diferença está na altura. O primeiro tem mais de 1,90. O outro, 1,61. Cada qual usou do seu principal trunfo para surpreender o Brasil. O baixinho foi veloz e habilidoso para fazer um cruzamento perfeito. O atacante se posicionou bem e testou no cantinho de Alisson para fazer 1x0. Detalhe: nem precisou pular, já que Marquinhos e Fabinho escorregaram na área.

Pela segunda vez nas Eliminatórias, o Brasil ficou atrás do placar. Mas diferente do jogo contra o Peru, no primeiro turno, o gol de empate não veio minutos depois - só aconteceu na etapa final. Os brasileiros foram ao intervalo atrás do marcador. Sem velocidade na transição, a equipe construiu apenas uma boa jogada de gol. Everton Ribeiro recebeu na grande área e tentou o passe. A bola desviou no marcador e acertou o travessão.

Também foi pelo alto que o Brasil conseguiu igualar o marcador. A primeira tentativa foi com Thiago Silva. O zagueiro balançou as redes, mas o bandeira assinalou impedimento. Coube ao outro defensor, Marquinhos, compensar a falha do primeiro tempo com um gol. Raphinha cobrou escanteio na segunda trave e o jogador cabeceou para o chão, vencendo o goleiro Graterol e empatando o duelo em Caracas.

O técnico Tite deixou o Brasil mais ofensivo, acionando Vinícius Júnior na vaga de Lucas Paquetá. De cara, a equipe ganhou em velocidade pelo lado esquerdo. O atacante do Real Madrid teve ótima chance de marcar, mas a finalização dentro da grande área saiu fraca. Para a sorte dos brasileiros, o goleiro deu rebote. Gabigol tentou completar o lance, mas foi derrubado na área. Pênalti que o próprio Gabigol converteu. Nos acréscimos, Antony deixou o dele e decretou o 3x1.

Fonte: William Tavares