Bastante emocionado, o cantor Zezé Di Camargo foi amparado pelas filhas Wanessa e Camila, e pelo irmão Wellington, durante o enterro de seu pai, Francisco José de Camargo, nesta terça-feira (24/11), no Cemitério Jardim das Palmeiras, em Goiânia.

Ele também comoveu os presentes ao prestar uma última homenagem ao genitor, tocando sanfona e cantando É o Amor, música que marcou o início de sua vida artística.

Além de Zezé, estiveram presentes outros familiares, famosos e autoridades. No início da tarde, o cantor chorou ao falar sobre a morte do pai.

 

“Estou o emprestando um pouquinho para Deus. É um ser muito especial. Está deixando um exemplo na Terra”, disse.

Seu Francisco morreu às 23h de segunda feira (23/11), após 14 dias internado em um hospital particular em Goiânia. Segundo o hospital, ele teve uma parada cardiorrespiratória e uma “instabilidade hemodinâmica”.

Viúva de Seu Francisco, Helena Camargo, de 75 anos, também recebeu apoio de amigos e parentes. Ela só soube da morte 12 horas depois, pois os familiares decidiram não acordá-la durante a noite para dar a notícia.

Já Luciano testou positivo para Covid-19 e está em isolamento em casa. Por isso, não compareceu ao velório do pai.

Fonte: METRÓPOLES