Operação realizada esta semana em garimpos irregulares no município de Peixoto de Azevedo resultou na prisão em flagrante de oito pessoas e apreensão de quatro armas de fogo, uma balsa, três escavadeiras e três máquinas esteiras.

A responsabilização pelo dano ambiental está sendo apurada em três inquéritos policiais, além de inquéritos civis. A fiscalização ocorreu na terça-feira (16).

De acordo com o promotor de Justiça Marcelo Mantovanni Beato, a atividade irregular de garimpos no município é um problema recorrente. Desta vez, a fiscalização ocorreu nos rios Peixoto e Grotão, no Distrito de União do Norte.

A operação contou com a participação de aproximadamente 15 agentes da Polícia Militar Ambiental, Ministério Público e Marinha.
“Obtivemos resultados satisfatórios nesta operação. Todas as informações e material colhidos vão subsidiar as investigações para posterior ingresso de ações civis públicas e denúncias criminais”, assegurou o promotor de Justiça.

Fonte: OLHAR DIRETO