Morreu na madrugada desta segunda-feira (18) a enfermeira Alessandra Bárbara, 49 anos. Ela é a terceira vítima do novo coronavírus em Cuiabá e a 28ª morte em Mato Grosso.

 Alessandra estava internada há 46 dias, sendo vários deles na UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Ela era servidora da Unidade 03 do CIAPS Adauto Botelho, em Cuiabá. 

  No início de abril, diversos servidores do Adauto Botelho foram diagnosticados com a Covid-19. No dia 2 de maio, o enfermeiro Athaide Celestino da Silva, que também trabalhava na unidade, também foi a óbito.

 A enfermeira tinha dois filhos. O secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, manifestou profundo pesar pela morte da servidora estadual.

 “Tem sido dias difíceis. Perder uma servidora, uma colega que era querida por tantos, nos dói. Expresso os meus sentimentos e me solidarizo à dor dos familiares e amigos”, disse o gestor, que também enalteceu o trabalho único e fundamental dos profissionais da Saúde frente à pandemia do coronavírus.

 Com a morte de Alessandra, já são 28 os óbitos no Estado pela doença. De acordo com os Boletins da Secretaria de Saúde, as outras mortes causadas em decorrência da Covid-19 em Mato Grosso envolveram pessoas dos municípios de Lucas do Rio Verde, Cáceres, Aripuanã, Rondonópolis, Cuiabá, Mirassol D’ Oeste, Barra do Garças, Sinop, Querência, Nova Mutum, Ponte Branca, Várzea Grande, Vale de São Domingos, Barra do Garças, e dos estados de São Paulo e Rio de Janeiro, que estavam em Mato Grosso.

 

Fonte: Folha Max