Seis hospitais de Mato Grosso que atendem pelo Serviço Único de Saúde (SUS) estão com 100% ou 90% da taxa de ocupação de leitos de UTI para pacientes com coronavírus (Covid-19). O dado conta no boletim diário sobre o panorama da pandemia no estado, divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde de Mato Grosso (SES-MT) nessa segunda-feira (11).

Mato Grosso conta com 21 hospitais, entre municipais, regionais e estaduais, para atender pacientes em mais de 400 leitos. No total, 253 desses leitos estão ocupados.

De acordo com a SES-MT estão com 100% dos leitos ocupados o Hospital Municipal Arlete Daisy Chichetti de Brito (Tangará da Serra), Hospital Regional de Sorriso e Hospital Regional Hilda Strenguer Ribeiro (Nova Mutum).

Já o Hospital e Maternidade Santa Rita (Várzea Grande), Hospital Municipal de Juína e Hospital Regional Irmã Elza Giovanella (Rondonópolis) têm 90% da taxa de ocupação.

O Hospital Regional de Sinop está com 89% dos leitos ocupados, seguido do Hospital Santa Casa, em Cuiabá, com 80% e Hospital Regional Dr Antonio Fontes (Cáceres) com 80%.

Casos em Mato Grosso
A SES-MT notificou, até a tarde desta segunda-feira, 191.106 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 4.694 óbitos em decorrência do coronavírus no estado.
Nas últimas 24 horas, foram notificadas 1.747 novas confirmações de casos de coronavírus e 10 mortes no estado.

Dos 191.106 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 6.799 estão em isolamento domiciliar e 178.722 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 253 internações em UTIs públicas e 264 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 62,78% para UTIs

Fonte: G1MT